Ensaio sobre a cegueira – José Saramago

Por Revisar

Ensaio sobre a cegueira.

Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. E o primeiro caso de uma «treva branca» que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberao reduzidos a essencia humana, numa verdadeira viagem as trevas. O Ensaio sobre a cegueira e a fantasia de um autor que nos faz lembrar «a responsabilidade de ter olhos quando os outros os perderam».

Jose Saramago nos da, aqui, uma imagem aterradora e comovente de tempos sombrios, a beira de um novo milenio, impondo-se a companhia dos maiores visionarios modernos, como Franz Kafka e Elias Canetti. Cada leitor vivera uma experiencia imaginativa unica. Num ponto onde se cruzam literatura e sabedoria, Jose Saramago nos obriga a parar, fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas sao as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressao dos tempos e do que se perdeu: «uma coisa que nao tem nome, essa coisa e o que somos».

Sobre o Autor.

José Saramago nasceu em 1922, de uma família de camponeses da província do Ribatejo, em Portugal. Exerceu diversas profissões —como serralheiro, desenhista, funcionário público e jornalista— antes de se dedicar só à literatura. Prêmio Nobel em 1998, escreveu algumas das obras mais relevantes do romance contemporâneo, como O ano da morte de Ricardo Reis e O Evangelho segundo Jesus Cristo, lançadas pela Companhia das letras, que publicou, além deste, outros 23 livros do escritor. Saramago faleceu em Lanzarote, nas ilhas Canárias, em 2010.


Descargar PDF Descargar EPUB Leer en Línea

Sin Comentarios

Deja un Comentario